Dionísio areopagita e o nome de Deus

    Sobre o livro: Tanto sobre as igrejas do Oriente como sobre São Tomás de Aquino, Pseudo-Dionísio teve influência superior à de qualquer outro padre

    Ver mais
    Marca: Martins Fontes - selo Martins
    Referência: 9788580631463

    De R$ 36,30
    Por:
    R$ 29,04
    Economize  R$ 7,26
    Simulador de Frete
    - Calcular frete
    Não sei meu CEP

    Sobre o livro:

    Tanto sobre as igrejas do Oriente como sobre São Tomás de Aquino, Pseudo-Dionísio teve influência superior à de qualquer outro padre grego. Sob o reinado do imperador Tibério, um eclipse prodigioso revela ao jovem Dionísio o esplendor de um deus desconhecido. Como chamar essa luz percebida no âmago das trevas? Seu segredo estava escondido na grande biblioteca de Alexandria ou guardado pelos últimos frequentadores da Academia de Platão, em Atenas?

    Nos Atos dos apóstolos, Dionísio é um personagem que se converte ao escutar São Paulo no Areópago de Atenas, por ocasião de um discurso que começava com a evocação de um altar dedicado ao deus desconhecido. O teólogo, que no fim da Antiguidade colocava sua obra sob a autoridade de Dionísio, assumia com isso a dupla herança da filosofia grega e do anúncio de Cristo. O filósofo fez da impossibilidade de conhecer a Deus o âmago de sua doutrina: posto que Deus existe além do mundo, nada do que pode ser dito a respeito de Deus pode ser dito a respeito de Deus. Ele propõe então um método negativo: só podemos dizer aquilo que Deus não é. Ainda assim, Deus está além das próprias negações: a verdadeira teologia é uma mística, na qual a união com Deus se realiza no silêncio da treva que presenteia com esplendores inexprimíveis as inteligências que sabem fechar os olhos.

    Sobre o autor:

    Jean Paul Mongin é o editor dos Pequenos Filósofos. Ele sondou a fé cristã graças à teologia negativa de Dionísio Areopagita, e a teologia negativa de Dionísio Areopagita graças ao Monty Python: "Ni, ni! Nós somos os cavaleiros que dizem ?ni?!". ? Em busca do Cálice Sagrado.

    Antes de ilustrar a busca de Dionísio, que termina decapitado, Ghislaine Herbéra publicou diversos livros nas editoras Didier Jeunesse e MeMo, entre eles, ironicamente, um Monsieur cent têtes (Senhor cem cabeças). Recebeu o Prix Premier Album (para estreia de jovens ilustradores) no Salão do Livro Infantojuvenil de Montreuil, em 2010, e o prêmio Opera Prima na Feira Internacional do Livro de Bolonha, em 201.

    Conheça outros títulos da coleção 'Pequeno Filósofo' publicados pela Martins Fontes - selo Martins:

    • O Gênio ardiloso do Sr. Descartes

    • O Fantasma de Karl Marx

    • As Iluminações de Albert Einstein

    • A Morte do divino Sócrates

    • O Dia muito louco do professor Kant

    • Diógenes, o homem-cão

    • Eu, Jean-Jacques Rousseau

    • A Confissão de Santo Agostinho

    • A Barata de Martin Heidegger

    • Assunto: Infantis e Juvenis
    • Coleção: Catálogo Geral > Infantis e Juvenis
    • Autor: Mongin, Jean Paul
    • Edição: 1
    • Editora: Martins Fontes - selo Martins
    • Encadernação: Brochura
    • Formato: 2,00 X 11,00 X 16,00
    • ISBN: 9788580631463
    • ISBN 13: 9788580631463
    • Páginas: 744

    Deixe seu comentário e sua avaliação







    - Máximo de 512 caracteres.

    Clique para Avaliar


    • Avaliação:
    Enviar
    Faça seu login e comente.

    Produtos Visitados