Da dissimulação honesta

    Sobre o livro: Escrita no século XVII por Torquato Accetto, esta obra permaneceu desconhecida até 1928, quando Benedetto Croce a descobriu. Da diss

    Ver mais
    Marca: Martins Fontes - selo Martins
    Referência: 9788533614611

    De R$ 47,19
    Por:
    R$ 37,75
    Economize  R$ 9,44
    Simulador de Frete
    - Calcular frete
    Não sei meu CEP

    Sobre o livro:

    Escrita no século XVII por Torquato Accetto, esta obra permaneceu desconhecida até 1928, quando Benedetto Croce a descobriu. Da dissimulação honesta apresenta a chamada "literatura dos secretários" - a literatura produzida pelos secretários dos nobres da época barroca - encontrando sua expressão mais perfeita e mais elíptica, na esteira da cultura do cortesão descrita por Baldassare Castiglione.

    "É possível dizer que, tanto na ação política das monarquias, através das ?razões de Estado?, quanto na nação pública dos secretários e cortesãos discretos, a arte da dissimulação deve ser entendida como uma técnica básica de ocultar ou adiar a verdade, mas não de produzir a mentira. As distinções aqui podem parecer sutis e admitem sempre uma análise pormenorizada de casos, mas em termos gerais a regra a aplicar-se é a seguinte: a ?dissimulação? é honesta enquanto não diz imediatamente o que é, tendo em vista a efetuação de determinada finalidade moral ou catolicamente aceita, nos termos da Igreja do período, mas deixa de sê-lo se passar a fingir maliciosamente o que não é, vale dizer, se ?simular? como trapaça, engano ou vaidade uma coisa que é falsa. De outra maneira, podemos definir a ? dissimulação honesta? como uma regra de medir ou buscar o verdadeiro numa situação em que a verdade é sempre indireta e construída a partir de situações públicas embaraçosas ou confusas, pois resultantes de um estado de coisas em que as virtudes nunca aparecem sós, e os vícios misturam-se, melífluos, aos mecanismos da razão".

    Alcir Pécora

    Sobre o autor:

    Existem poucas informações sobre a vida de Torquato Accetto; sabe-se que viveu em Nápoles na primeira metade do século XVII e que nasceu provavelmente em Trani, na Púglia, por volta de 1590. Foi secretário dos duques de Andria, Antonio e Fabrizio Carafa. Experimentou, como todos os seus contemporâneos, as imposições da Contrarreforma e tentou, desesperadamente, fugir à solidão provinciana; esteve por diversas vezes em Roma e em Nápoles, onde se relacionou com Giambattista Manso, fundador da Accademia degli Oziozi (Academia dos Ociosos).

    Publicou, em 1621, uma coletânea de Rime que se transformou, quando republicada, em 1626, na primeira parte de um volume cuja forma definitiva só veio à luz em 1638. Três anos depois publicou em Nápoles aquela que seria sua obra-prima: Della dissimulazione onesta. A obra permaneceria praticamente desconhecida até ser descoberta por Benedetto Croce, em 1928.

    • Assunto: Filosofia
    • Autor: Accetto, Torquato
    • Coleção: Catálogo Geral > Biblioteca Universal
    • Editora: Martins Fontes - selo Martins
    • Edição: 1
    • Encadernação: Brochura
    • Formato: 2,20 x 12,40 x 18,40
    • ISBN: 9788533614611
    • ISBN 13: 9788533614611
    • Páginas: 144

    Deixe seu comentário e sua avaliação







    - Máximo de 512 caracteres.

    Clique para Avaliar


    • Avaliação:
    Enviar
    Faça seu login e comente.

    Produtos Visitados